Arquitetura e Urbanismo

          O Curso de Arquitetura e Urbanismo têm como objetivo geral oferecer aos Acadêmicos instrumentos técnico-científicos nas áreas de projeto arquitetônico, planejamento urbano e paisagismo, bem como desenvolver pesquisas e identificar as necessidades para o bem-estar social do homem, sua interação com o meio ambiente e a valorização e preservação do patrimônio arquitetônico regional e ambiental, natural e edificado.

          O bacharel em Arquitetura atuará concomitantemente nas três áreas: Arquitetura, Urbanismo e Paisagismo, oferecendo condições para compreender as necessidades dos indivíduos, grupos sociais e comunidades, considerando os aspectos relativos ao regionalismo à organização e construção do espaço interno e externo, como patrimônio e responsabilidade coletiva, atuando com respeito a questões ecológicas.

          Em relação ao Mercado de Trabalho o profissional de Arquitetura e Urbanismo pode atuar como autônomo, empresário, na construção civil, nas empresas de consultoria, na indústria de transformação e também nos mais variados setores da iniciativa pública e privada.

          O CURSO ARQUITETURA E URBANISMO OFERECIDO PELA FAJOP

          Portaria de Autorização: Portaria Ministerial n° 34 de 01 de março de 2016

          Duração: 5 anos

          Habilitação: Bacharelado em Arquitetura e Urbanismo

          Regime Acadêmico: O regime semestral com duração de 100 (cem) dias letivos.

          Regime de Matricula: Semestral

          Vagas: 100 vagas

          Turno: Semanal (Noturno) e Sábado (Diurno)

          Local do Curso: Sede FAJOP- Endereço: Rua José Joaquim Cabral, n° 47-A Centro Quirinópolis - GO. CEP: 75.860-000-Telefone: (64)3651-6535

          Correio Eletrônico: faculdadejoaopaulo@gmail.com

 

          OBJETIVOS DO CURSO

          O Curso de Arquitetura e Urbanismo da FACULDADE JOÃO PAULO II atende aos objetivos proposta e expressa compromissos institucionais em relação ao ensino, pesquisa e extensão alinhados aos preceitos contidos nas orientações do MEC: Diretriz  Curricular Nacional  dos  cursos  de  Arquitetura,  publicado no  Parecer CNE/CES 1.362 de 12/12/2001 e complementado pela Resolução CNE/CES 11de 11/03/2002; Resolução CNE/CES 02 de 18/07/2007, que dispõe sobre a carga horária mínima e procedimentos relativos à integralização e duração dos cursos de graduação, bacharelados, na modalidade presencial.

        São objetivos específicos do Curso:

  • Considerar os princípios da ética e da moral que orientam o desempenho da profissão;
  • Fomentar a atualização profissional permanente, visando uma formação continuada buscando a qualidade e sensibilidade para questões sociais e humanísticas;
  • Estimular a aquisição de conhecimento no mercado de novas tecnologias que surgem a partir das mudanças da realidade social, aliadas a sua constante evolução;
  • Incentivar a criação de projetos de extensão a fim de estabelecer com a comunidade uma integração social;
  • Participar de trabalhos individuais ou em equipes buscando a interdisciplinaridade;
  • Incentivar o desenvolvimento da capacidade de liderança nas relações interpessoais e de trabalho;
  • Oportunizar a criação do espírito pesquisador, da independência e da criatividade necessárias à área de formação;
  • Fomentar a capacidade de análise para a formulação e solução de problemas que envolvem a arquitetura e o urbanismo;
  • Desenvolver a capacidade de interpretação e análise para a aplicação dos aspectos legais na área da arquitetura e do urbanismo;
  • Formar profissionais aptos para o desenvolvimento de suas habilidades que atendam ao mercado, exercendo-as com consideração aos aspectos culturais, históricos e sociais da comunidade, bem como respeitando os aspectos regionais.
  • Os objetivos do curso de Arquitetura e Urbanismo da Faculdade João Paulo II reafirmam os compromissos institucionais em relação à qualidade do ensino, da pesquisa, da extensão e da administração, bem como com o perfil do egresso.

 

          PERFIL DO EGRESSO

 

          O curso de Arquitetura e Urbanismo deverá ensejar condições para que o futuro egresso tenha como perfil:

I – sólida formação de profissional generalista;

II – aptidão de compreender e traduzir as necessidades de indivíduos, grupos sociais e comunidade, com relação à concepção, organização e construção do espaço interior e exterior,abrangendo o urbanismo, a edificação e o paisagismo;

III – conservação e valorização do patrimônio construído;

IV – proteção do equilíbrio do ambiente natural e utilização racional dos recursos

disponíveis.

          O Curso de Arquitetura e Urbanismo propõe ao Arquiteto e Urbanista uma formação profissional que revele uma interação entre a teoria e a prática, a fim de que possam exercer, com ética e responsabilidade, as seguintes competências e habilidades:

          O curso de Arquitetura e Urbanismo deverá possibilitar formação profissional que revele, pelo menos, as seguintes competências e habilidades:

I – o conhecimento dos aspectos antropológicos, sociológicos e econômicos relevantes e de todo o espectro de necessidades, aspirações e expectativas individuais e coletivas quanto ao ambiente construído;

II – a compreensão das questões que informam as ações de preservação da paisagem e de avaliação dos impactos no meio ambiente, com vistas ao equilíbrio ecológico e ao

desenvolvimento sustentável;

III – as habilidades necessárias para conceber projetos de arquitetura, urbanismo e paisagismo e para realizar construções, considerando os fatores de custo, de durabilidade, de manutenção e de especificações, bem como os regulamentos legais, de modo a satisfazer as exigências culturais, econômicas, estéticas, técnicas, ambientais e de acessibilidade dos usuários;

IV – o conhecimento da história das artes e da estética, suscetível de influenciar a qualidade da concepção e da prática de arquitetura, urbanismo e paisagismo;

V – os conhecimentos de teoria e de história da arquitetura, do urbanismo e do paisagismo, considerando sua produção no contexto social, cultural, político e econômico e tendo como objetivo a reflexão crítica e a pesquisa;

VI – o domínio de técnicas e metodologias de pesquisa em planejamento urbano e regional, urbanismo e desenho urbano, bem como a compreensão dos sistemas de infraestrutura e de trânsito, necessários para a concepção de estudos, análises e planos de intervenção no espaço urbano, metropolitano e regional;

VII – os conhecimentos especializados para o emprego adequado e econômico dos materiais de construção e das técnicas e sistemas construtivos, para a definição de instalações e equipamentos prediais, para a organização de obras e canteiros e para a implantação de infraestrutura urbana;

VIII – a compreensão dos sistemas estruturais e o domínio da concepção e do projeto estrutural, tendo por fundamento os estudos de resistência dos materiais, estabilidade das construções e fundações;

IX – o entendimento das condições climáticas, acústicas, lumínicas e energéticas e o domínio das técnicas apropriadas a elas associadas;

X – as práticas projetuais e as soluções tecnológicas para a preservação, conservação, restauração, reconstrução, reabilitação e reutilização de edificações, conjuntos e cidades;

XI – as habilidades de desenho e o domínio da geometria, de suas aplicações e de outros meios de expressão e representação, tais como perspectiva, modelagem, maquetes,modelos e imagens virtuais;

XII – o conhecimento dos instrumentais de informática para tratamento de informações e representação aplicada à arquitetura, ao urbanismo, ao paisagismo e ao planejamento urbano e regional;

XIII – a habilidade na elaboração e instrumental na feitura e interpretação de levantamentos topográficos, com a utilização de aerofotogrametria, fotointerpretação e sensoriamento remoto, necessários na realização de projetos de arquitetura, urbanismo e paisagismo e no planejamento urbano e regional.

 

          ESTRUTURA CURRICULAR

 

          Os conteúdos curriculares do Curso de Arquitetura e Urbanismo englobam um conjunto de conhecimentos e habilidades que se especifica em atividades acadêmicas, conhecimentos necessários à formação profissional e estão dispostos na seguinte: